Juruá Online

Variedades

Acusados de ferir motorista de aplicativo com 12 facadas são presos

Apesar de testemunhas terem dito inicialmente que o motorista de aplicativo identificado como Antônio Márcio Sandy da Silva, teria sido ferido com 12 facadas numa tentativa de assalto, a polícia militar afirmou ao ac24horas que o mesmo foi esfaqueado por causa do preço da corrida feita a dois homens na manhã deste domingo (29). Os militares relataram que houve uma discussão entre o profissional e dois homens que pediram o serviço. O crime aconteceu na Rua Cegonha, situada no bairro Novo Horizonte em Rio Branco.

A polícia atesta que Antônio recebeu uma corrida para pegar os clientes no bairro e ao chegar ao destino, dois jovens identificados como Wesley do Nascimento Eleutério, de 21 anos e Paulo Fernando Souza de Araújo, de 18 anos, que estariam ingerindo bebida alcoólica numa casa com duas mulheres, começaram a discutir com o motorista de aplicativo por causa do valor da corrida.

Um dos suspeitos pegou uma faca e feriu o motorista 12 vezes com a arma branca. Os ferimentos atingiram Antônio na cabeça, pescoço, braços, perna, costa, peito e abdômen. Mesmo ferido, o motorista conseguiu correr e caiu no terreno de uma casa.

 

Populares acionaram a ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e conduziram a vítima ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde gravíssimo.

Policiais Militares estiveram no local e durante patrulhamento na região conseguiram prender os dois suspeitos de terem ferido o motorista de aplicativo. A dupla foi conduzida à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos. O caso segue sob investigação dos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA