logo_oficial.png

Cotidiano

Em 24 horas, três mortes por Covid-19 foram registradas em Cruzeiro do Sul

Em 24 horas, 03 mortes por Covid-19 foram registradas em Cruzeiro do Sul. Os dados são da última quarta-feira (03). Trata-se do vigilante Ademar Matias, que trabalhava no Aeroporto de Cruzeiro do Sul, o idoso Sebastião Pedro da Silva, de 81 anos de idade, e o médico Drº João Luis Angelim, que esteve internado por três semanas no Hospital do Juruá e faleceu em Rio Branco, mas tem o óbito contabilizado para o município onde foi diagnosticado com a doença.

Familiares e amigos das vítimas prestaram homenagens e lamentaram a perda dos entes queridos. O filho do idoso Sebastião, Valdeli Bussões, contou que o pai foi um verdadeiro guerreiro durante a vida, sendo ex-hanseniano, foi internado aos 08 anos de idade do antigo leprosário, de onde só saiu aos 15 anos de idade. Teve outros problemas de saúde, mas atualmente estava vivendo de forma tranquila e sem agravos.

“Ele conheceu minha mãe aos 33 anos, com quem constituiu uma família com 12 filhos. Ele estava muito feliz da vida, vivendo a melhor fase da vida dele, saudável, quando veio essa doença horrível para tirar meu pai”, relatou o filho.  

Altair Paixão, amigo do vigilante Ademar Matias que também faleceu com a doença, lamentou a morte do companheiro de trabalho.

“A família vigilante, os familiares de Matias, com certeza hoje estão tristes chorando a perda de um grande amigo. Ele prestou um excelente trabalho, no seu setor, todos gostavam dele, respeitavam ele, assim como ele respeitava todos. Desejo meus pêsames a toda família. É um momento muito difícil. Passamos quase 16 anos trabalhando lado-a-lado e perdemos um amigo dessa forma”, destacou.

Em um vídeo gravado para TV Juruá, o diretor técnico do HRJ, Drº Marcos Lima, lamentou as duas mortes ocorridas no Hospital do Juruá, e do amigo médico Drº João Angelim, que ficou três semanas internado em Cruzeiro do Sul até ser transferido no último sábado para Rio Branco, onde faleceu no Hospital de Urgência e Emergência.

“Quero aproveitar a oportunidade, para em nome de toda família do Hospital Regional do Juruá, funcionários, corpo clínico, Anssau, expressar o sentimento de profundo pesar  e tristeza pela perda do colega João Angelim, médico que desde a fundação deste hospital, labutou nesta unidade com grande empenho e dedicação”, lamentou o médico Drº Marcos Lima, diretor do Hospital do Juruá.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image