logo_oficial.png

Cotidiano

Prefeituras de Marechal Thaumaturgo e Guajará emitem nota de esclarecimento sobre Operação Off-Label

No final da tarde desta quarta-feira (03) as prefeituras de Guajará (AM) e Marechal Thaumaturgo (AC) emitiram uma nota de esclarecimento sobre a Operação OFF-Label, deflagrada NA MANHÃ de hoje pela Polícia Federal. As investigações foram realizadas em parceria com a Controladoria-Geral da União (CGU). Durante toda manhã foram cumpridos 85 mandados de busca nos municípios de Cruzeiro do Sul (AC), Rodrigues Alves (AC), Marechal Thaumaturgo (AC), Xapuri (AC), Epitaciolândia (AC), Bujari (AC), Rio Branco (AC), Jordão (AC) e Boca do Acre (AM), Pauiní (AM) e Guajará (AM).

Abaixo veja na íntegra a nota de esclarecimento dos dois municípios.

NOTA DE ESCLARECIMENTO DE GUAJARÁ

A Prefeitura do Município de Guajará - AM, vem por meio deste esclarecer sobre a operação da Polícia Federal deflagrada nesta quarta-feira,03, tendo como objetivo investigar supostas fraudes, estão a compra de insumos e medicamentos.

O primeiro fato a deixar claro é que não houve prisões e/ou nenhum servidor da prefeitura foi intimado ou levado à Polícia Federal.

Todos os processos licitatórios ocorreram, e ainda ocorrem, de forma legal e ativa. As empresas tem por direito, se estiverem com suas documentações regulamentadas, participarem dos processos licitatórios. Ganhando a que apresentar o menor preço. Se forem detectados erros, devem ser de natureza material, algo que pode acontecer em qualquer secretaria.

A prefeitura de Guajará defende e colabora com a atuação dos órgãos de fiscalização. Prova disto é que todas as informações solicitadas foram prestadas e apresentadas pela gestão.

No mais, a prefeitura está a disposição para qualquer esclarecimento que possa colaborar com as investigações.

Prefeitura municipal de Guajará-AM

NOTA DE ESCLARECIMENTO DE MARECHAL THAUMATURGO

Cumprimentando a toda população de Marechal Thaumaturgo, venho aqui prestar os devidos esclarecimentos sobre a operação realizada pela Polícia Federal junto nossa prefeitura. Infelizmente informo que fomos alvo de uma investigação que teve início no ano de 2017, e ao que tudo indicou, foi voltada para investigar os contratos feitos com três empresas investigadas.

Informamos que não se tratou de uma investigação direcionada unicamente ao nosso município, mas a todos os municípios que fizeram contratos com estas empresas. Esclareço e garanto que desde 2017 sempre atuamos de forma transparente e nunca houve na minha gestão qualquer compra sem licitação e menos ainda de medicamentos.

Todas as nossas contratações seguiram e seguem rigidamente tudo que a lei prevê e tudo foi feito através de processos licitatórios públicos e abertos para qualquer concorrente. Informo que foi apresentado a Polícia Federal toda a documentação necessária e apresentado todo o histórico de aquisições e saídas dos medicamentos, que é fiscalizado pelo conselho municipal de saúde, para que possamos esclarecer que estamos atuando com total boa fé e com o devido respeito aos recursos públicos que é do nosso município. Deixo claro que não concordo com qualquer tipo de ato ilícito.

Concluo reafirmando meu compromisso de continuar zelando pelo patrimônio e dos recursos públicos, e atuar com total respeito a toda a população do nosso município e das autoridades públicas, até o momento que me for oportunizado ser o Gestor maior de Marechal Thaumaturgo.

Isaac Piyanko, Prefeito do município de Marechal Thaumaturgo.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image