logo_oficial.png

Cotidiano

Psicóloga de Cruzeiro do Sul dá dicas de como lidar com a saúde mental durante isolamento social. Veja o vídeo

Durante o período de isolamento social, ocasionado pela pandemia do novo coronavírus, muitas angústias geradas pelas incertezas podem aumentar o nível de ansiedade, de pânico, de agitação e estresse entre as pessoas. São medos em relação ao futuro, aliados ao excesso de informação, e muitas fakes news, que se misturam a turbulência de mudanças e adequações necessárias. Nesse momento, a psicóloga Cíntia Sampaio dá dicas de algumas estratégias, que podem ser adotadas por toda família, para contribuir significativamente com a saúde mental, lidando de forma segura com este período de isolamento social, para viver com mais serenidade.

“De fato todas as notícias deixam a maioria das pessoas abaladas, mas é necessário ter o equilíbrio emocional, procurar se cuidar, tanto na alimentação, nas atividades físicas, cuidando também da mente, pois isso abala o emocional”, enfatizou.

Apesar da ansiedade ser uma resposta natural do corpo do ser humano, essencial para sobrevivência, é necessário ficar atendo, pois em excesso pode se tornar nociva. Segundo a OMS, o Brasil já era o país mais ansioso do mundo mesmo antes do coronavírus, com mais de 18 milhões de brasileiros convivendo com algum tipo de transtorno.

“Muitas pessoas ficam ansiosas e começam a sentir algum sintoma, e pensam que já estão com a doença, ficam pensando que alguém da família vai morrer, que será infectada, então mantenham a calma. Nem tudo que vocês estão pensando de fato vai ocorrer. Procurem sempre ocupar a mente com atividades físicas, lendo livros, com atividades prazerosas. As pessoas devem focar que a maioriados que foram infectados estão em casa, e a maior parte não está sentindo os sintomas que vemos na internet”, destacou a psicóloga.

De acordo com a psicóloga, com a permanecia em casa na maior parte do tempo, as pessoas devem aprender a enfrentar esse desafio, focando em coisas boas e lidando de forma saudável com o isolamento social. Veja abaixo algumas dicas:

  1. Filtre as informações sobre o assunto

Procure separar um período do dia no qual irá se informar sobre o que está acontecendo e quais são as atualizações. Separe um momento do dia para abrir Facebook, Instagram, Twitter e as demais redes sociais. Não se esqueça de que existem muitas fake news por aí, portanto, não saia acreditando em tudo o que lê. Priorize fontes confiáveis e evite espalhar notícias duvidosas pelo whatsApp.

  1. Leia livros, assista filmes, dance

A literatura e o cinema têm o poder de nos transportar para outras realidades, ou seja, são perfeitos para este momento de quarentena. Ao se sentir muito estressado, com medo excessivo e ansioso, procure se desconectar um pouco da realidade.  Já a dança além de ser um exercício físico, também oferece inúmeros benefícios ao corpo humano.

  1. Seja solidário

Ao exercitar a empatia, se colocando no lugar do outro, você se sente melhor consigo mesmo e tem a certeza de que está fazendo a sua parte nesta luta.

  1. Expresse o que você sente por meio de atividades

Escreva, pinte, desenhe, cante. Todas essas atividades são a expressão do que você pensa e sente e podem te ajudar a eliminar a angústia e o medo.

  1. Crie uma rotina

Mesmo estando apenas em casa, é importante criar horários de trabalho, intervalos, refeições e também ter momentos de lazer e descanso. A rotina é muito importante para organizar a sua mente ao longo do período de isolamento social.

  1. Faça exercícios físicos

Não é novidade que a prática de exercícios físicos é uma ótima maneira de combater o estresse, a ansiedade e a depressão. Além disso, também melhora a autoestima, a qualidade do sono e a concentração. Além dos aplicativos de treinos, muitos profissionais também estão oferecendo aulas online gratuitas.

  1. Faça exercícios de respiração

Nem todo mundo sabe, mas a respiração é bem poderosa, pois é capaz de diminuir nossos níveis de ansiedade. Existem formas de controlar a sua respiração, ou seja, técnicas simples que podem ser adotadas no seu dia a dia para ajudar a lidar com a ansiedade.

  1. Faça terapia

Se você não sabe como lidar com a ansiedade e sente que precisa de auxílio psicológico para trabalhar todas as suas questões, não hesite em procurar um profissional. Neste momento, a maioria dos profissionais da área estão trabalhando remotamente também, atendendo os pacientes online.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image