Image
Image
Image
Image
Image


    #

    Cotidiano

    Programa de cadeias produtivas fomenta produção de café no Juruá

    O cultivo do café faz parte da política de sustentabilidade da Prefeitura de Cruzeiro do Sul, que tem investido no fomento da cadeia e ofertado apoio aos agricultores. A cafeicultura é uma das estratégias da gestão de incremento econômico na renda dos produtores.

    Os primeiros plantios do café estão sendo cultivados no Ramal 12. A Prefeitura já contemplou 19 famílias com 12 hectares de café plantado. As mudas são doadas aos produtores.

    Jairo Meireles veio de Rondônia em busca de uma melhor condição de vida para a família. Encontrou na zona rural de Cruzeiro do Sul uma oportunidade para cultivar o grão. Entusiasta da cadeia, o agricultor tem motivado os demais produtores a cultivarem café, uma vez que, o preço do produto no mercado local varia entre R$ 370 a R$400 reis a saca.

    maior 1FF1E5BE 044F 4A20 8B80 CBC54407AD39

    “Vejo no café uma grande oportunidade de melhorar a vida. O grão consumido na nossa cidade vem todo de fora, além disse, é um produto de fácil cultivo com maior valor de mercado que a farinha de mandioca”, destacou Jairo.

    Outra vantagem, segundo o agricultor, é que o plantio do café evita o desmatamento. “Café é uma cultura fixa e as áreas desmatadas podem ser reaproveitas. O tempo de vida da lavoura é de até 20 anos”, observou.

    As 19 famílias beneficiadas pelo Programa de Incentivo à Cadeia Produtiva do Café farão a primeira colheita a partir de maio de 2020. Com um plantio modesto de mil pés de café, José Firmino está otimista.

    “Na roça só dá mesmo para comprar a comida e nada mais. É muito trabalho e pouco dinheiro, estou apostando no café para ter uma vida melhor aqui no campo”, explica Firmino.

    Segundo o secretário de Agricultura, Genilson Maia, a proposta da gestão é diversificar a produção e oferecer novas alternativas de renda ao produtor rural. “Sabemos que a farinha é o carro chefe. Mas, é preciso ofertar ao produtor novas alternativas e o café é uma delas. Somente no Ramal 12, esperamos colher já no próximo ano aproximadamente 480 sacas de café. Isso representa mais renda para 19 famílias”, salientou o secretário.

    O apoio da Prefeitura é feito por meio do Programa de Intensificação de Cadeias Produtivas Prioritárias (Procap), que fornece de forma gratuita aos produtores mudas de café, guaraná, pimenta do reio e açaí – culturas de alto potencial e valor econômico. Além de fornecer as mudas, a gestão oferece assistência técnica e cursos de capacitação às famílias que já estão trabalhando no cultivo do café.

    banner sicredi

    banner gazin 300

    © Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

    Image
    Image
    Image

    PUBLICIDADE

    Image