setembro_amarelo_tv_jurua.png

Acre

Governador Gladson Cameli condecora embaixador de Israel com a Ordem da Estrela do Acre

O governador Gladson Cameli homenageou o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, com a Comenda da Ordem da Estrela do Acre, grau Grã-Cruz, em cerimônia realizada na noite desta quinta-feira, 10, no Museu dos Autonomistas. A medalha é a mais alta honraria concedida pelo Governo do Estado do Acre a personalidades e instituições por relevantes serviços prestados ao povo acreano, dignos de reconhecimento.Durante seu pronunciamento, o governador, que também é o grão-mestre da Ordem, destacou a relação histórica entre Brasil e Israel. O voto do brasileiro Oswaldo Aranha, em sessão especial da Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em 1947, foi decisivo para a criação do Estado de Israel, fato que ocorreu no ano seguinte, após a repartição do território palestino.

 

Cameli lembrou ainda que Acre e Israel assemelham-se muito em relação à recente conquista de suas emancipações político-administrativas. O gestor enalteceu a história de luta do povo judeu, bem como seu avançado conhecimento na área de tecnologia. Afirmou também estar honrado pela visita de Shelley e por sua demonstração de respeito ao estado. “Estamos também falando de uma potência regional. Um centro mundial de tecnologia, ciência, medicina, comunicação, economia e cultura. Portanto, meus amigos, não somos nós, acreanos, que estamos oferecendo algo a Israel, por meio dessa distinção que agora será entregue, mas seremos nós os agraciados com essa renovação de respeito, aprendizado e amizade mútuas”, destacou Gladson.

 

Cameli aproveitou a oportunidade e destacou os investimentos públicos que estão sendo realizados no Acre para melhorar a vida das pessoas.”Temos, em nosso governo, planejamento para que nossa população seja beneficiada com saúde, educação, segurança e emprego, com garantias de desenvolvimento social e econômico. Somos um povo que carrega consigo a esperança e a fé, assim como o povo de Israel”, pontuou. A mesma mensagem de agradecimento a Yossi Shelley foi compartilhada pelo secretário da Casa Civil e chanceler da Ordem da Estrela do Acre, José Ribamar Trindade. “De uma forma geral, esta medalha é um reconhecimento do legado de Israel à humanidade. De modo particular, a medalha é uma homenagem a um homem dotado de virtudes, a constatar pelo extenso currículo que expressa a sua trajetória como diplomata e como dirigente de negócios privados”, enfatizou.


Membros natos da Ordem da Estrela do Acre, o chefe do Gabinete Militar, coronel Amarildo Camargo, e a chefe do Gabinete do Governador, Rosângela Gama, fizeram-se presentes à solenidade.Yossi Shelley afirmou estar honrado pelo recebimento da mais alta condecoração entregue pelo governo do Estado. Grande admirador do Brasil, o embaixador salientou que Israel tem muito a oferecer ao Acre na área tecnológica e espera que futuras parcerias sejam firmadas em benefício da qualidade de vida da população.“Estou muito orgulhoso por ter sido escolhido para receber a Medalha da Ordem da Estrela do Acre. Isso demonstra, ainda mais, essa aproximação que têm os povos judeu e brasileiro, assim como os seus governos. Quando os líderes das nações têm visão e fazem escolhas acertadas, o seu povo vai prosperar. A agricultura do Acre possui um potencial muito grande e Israel, onde 60% do território é composto por deserto, tem muito a oferecer com a tecnologia que desenvolvemos ao longo dos anos”, observou.

 

Nascido na cidade de Berseba, em 1957, Shelley serviu as Forças de Defesa de Israel entre os anos de 1976 a 1983. Bacharel em Direito e graduado em Engenharia Civil, Yossi iniciou sua carreira diplomática em 2017, exercendo a função de embaixador de Israel no Brasil. Sua principal missão tem sido ampliar o diálogo e estreitar as relações entre os dois países.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image