#

Acre

Casal de Porto Velho que dividiu táxi com chinês é o primeiro suspeito de coronavírus de RO

O governo do Rondônia, por meio da Secretaria Estadual de Saúde, confirmou nesta sexta-feira (31) os dois primeiros casos suspeitos de coronavírus no estado vizinho ao Acre.

Trata-se de um casal que esteve em recente viagem à São Paulo. Na capital paulista, os dois dividiram um táxi com um chinês.

Ao voltarem para Rondônia no último domingo, 26, e passaram a desenvolver sintomas parecidos com coronavírus.

O casal fez exames que vão ser enviados à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Apesar das evidências, o secretário estadual de saúde de Rondônia, Fernando Máximo, não acredita no diagnóstico de coronavírus. “Provavelmente esses casos não serão confirmados como coronavírus, mas vamos seguir com todo procolo recomendado pelo Ministério da Saúde. Eles estão tratando em casa, pois é o procolo a ser seguido, e caso não melhorem, serão internados”.

O Brasil não tem nenhum caso confirmado da doença. O Ministério da Saúde monitora nove casos suspeitos: Minas Gerais (1), Rio de Janeiro (1), Rio Grande do Sul (2), São Paulo (3), Paraná (1) e Ceará (1).

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image