#

Acre

Projeto do AC é escolhido para representar região Norte e ganha mais de R$ 20 mil em ação de Wesley Safadão

Escolhido para representar a região Norte, o projeto social acreano “Olhar Diferente” recebeu das mãos do cantor Wesley Safadão e da mulher dele, Thyane Dantas, mais de R$ 20 mil. A jovem idealizadora do projeto, Karoliny Oliveira, de 18 anos, foi até Fortaleza para receber o prêmio.

Ela conta que assim que ficou sabendo da iniciativa, que faz parte do projeto "W Solidário", lançado pelo cantor por incentivo da mulher em agosto do ano passado, se inscreveu no edital. Cinco projetos sociais foram contemplados, sendo um de cada região do país.

O dinheiro doado aos projetos foi arrecado em um bazar realizado pelo cantor em dezembro do ano passado. O bazar estava marcado para acontecer nos dias 15 e de 16, mas as mais de 2,5 mil peças foram vendidas em pouco mais de duas horas. Ao todo, foram arrecadados mais de R$ 120 mil, que foi dividido pelos cinco projetos.

“Esse prêmio foi muito importante, porque a gente vai conseguir contemplar mais de 600 crianças. Não é nem pelo valor, é pelo reconhecimento do nosso trabalho. Vamos fazer cinco anos de projeto na segunda-feira [27] e é muito gratificante saber que esses cinco anos estão valendo a pena e que a gente está, realmente, fazendo nosso trabalho direitinho”, afirmou a jovem.

 Desde a criação, no dia 27 de janeiro de 2015, o projeto já atendeu mais de 11 mil pessoas carentes da capital acreana. Com o recurso doado pelo cantor, serão comprados materiais escolares para mais de 600 crianças com idades entre 3 e 6 anos.

“No edital está determinado que o recurso precisa ser usado com ações voltadas para a educação e as crianças atendidas têm que ser da primeira infância. Então, vamos atender crianças carentes que estão na creche e na alfabetização”, disse.

O projeto tem mais de 150 voluntários cadastrados que atuam nas ações. Segundo a idealizadora, são várias as campanhas realizadas pelo Olhar Diferente durante todo o ano e pessoas das mais diversas faixas etárias são atendidas.

“A gente trabalha companhas como volta às aulas, Dia das Mães, Dia das Crianças e Natal. São campanhas pontuais, mas que a gente consegue acompanhar determinadas famílias durante todo o ano. Nossa prioridade é atender famílias em vulnerabilidade social e crianças de 0 a 12 anos”, contou.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image